Oioi, galera! Tudo joia com vocês? Por aqui tá tudo bem! Hoje vamos falar de uma releitura minha de mil anos atrás. Mas como algumas pessoas já sabem, eu tenho o péssimo defeito de esquecer de tudo que leio/vejo. Ou seja, vejo o mesmo filme e leio o mesmo livro trezentas milhões de vezes! Sempre com a mesma emoção, haha. O livro de hoje é uma duologia escrita pela autora Lissa Price. O primeiro livro se chama Starters e o segundo Enders.

Compre: Amazon Saraiva

O livro conta a história de Callie Woodland, garota de 16 anos que mora em Berverly Hills com seus pais e seu irmão mais novo, Tyler, quando a chamada Guerra de Esporos acontece. As pessoas até os 20 anos e depois dos 60 anos já haviam sido vacinadas contra o vírus, portanto, conseguem sobreviver. Já as pessoas entre os 20 e 60 anos de idade acabam falecendo em sua maioria, por  não terem imunidade contra o vírus.

Os primeiros capítulos contam o dia a dia de Callie, seu irmão e Michael, vizinho de Callie antes da Guerra. Sem pais e sem dinheiro, eles acabam tendo que morar em prédios abandonados e mover mundos e fundos para sobreviver, ao mesmo tempo que tentam fugir dos inspetores – enders que capturam os menores sem família e os colocam em instituições rigorosas e insalubres. Ah, quase me esqueci, após a Guerra os jovens são apelidados de “Starters” e os idosos de “Enders”, informação importante para ler o livro.

A virada do livro acontece quando Callie, que está desesperada para arrumar uma casa e medicamentos para Tyler, que possui uma doença respiratória cada vez mais séria, toma conhecimento da Prime Destinations. O lugar, mais conhecido pelos starters sem moradia como “Banco de Corpos”, é um lugar onde enders alugam corpos dos jovens para se divertirem e aproveitarem de novo a juventude. A maioria dos jovens “alugados” são menores sem família que precisam desesperadamente do bom pagamento que recebem desses aluguéis. Antes de estarem disponíveis para aluguel, eles passam por uma série de procedimentos de beleza. E são eles que permitem a algumas pessoas diferenciarem os jovens normais dos jovens do banco de corpos, uma vez que esses não possuem sequer uma cicatriz, são perfeitos.

Callie, determinada a conseguir o dinheiro para casa e tratamento do seu irmão vai até a Prime e com muita relutância assina o contrato. Contudo, sua inquilina tem planos muito sérios para esse aluguel: desvendar os mistérios por trás da Prime Destinations e o desaparecimento de sua neta.


O livro é muito envolvente e te prende a cada capítulo. O romance está presente a todo momento, o que para mim é essencial! Há um triângulo amoroso, como na maioria das distopias que já li, mas o crush maior se sobressai a todo momento! Só não dei 5 estrelas porque senti falta de mais detalhes sobre o relacionamento com Michael. Mas, talvez isso vá se desenvolver mais no segundo livro. Vamos ver!

A digramação é muito boa e torna a leitura fluida e sem maiores problemas. A capa, na minha humilde opinião é muito boa e me remete a Hospedeira.

Enfim, recomendo muito a leitura! Distopia maravilhosa, com uma personagem feminina forte e personagens secundários bem desenvolvidos. Leiam, leiam, leiam!

 

Author

Write A Comment