RESENHA: K-DRAMA “tHE MIRACLE”

Oi, gente! Tudo bom? Hoje eu trouxe a resenha de um k-drama lindo chamado “The Miracle”. Além de ser curtinho e estar disponível da Netflix (o que é uma baita coisa boa), ele traz reflexões sobre bullying, padrão de beleza e a tal da dita perfeição. Prontos?

 

“The Miracle” é um k-drama do canal Naver TV Cast de 2016, conta a história de duas irmãs gêmeas, a “bela e a fera” versão família, que vivem em pé de guerra e não se entendem por acreditarem que são infinitamente diferentes.

Você pode encontrar em:

Viki

Netflix

Kwon Si-ah (Nahyun do grupo SONAMOO) é a irmã bela, participa de uma girl band chamada Miracle Girls. Além de ter uma péssima personalidade e poucos amigos, vive tirando sarro de sua irmã e tem vergonha dela.

Por outro lado, temos Kwon Si-yeon (a talentosa Hong Yoon-hwa), uma menina acima do peso, tecnicamente sendo posta como feia (um absurdo que engulo à seco).

Ela tem um blog-rádio na internet, sendo conhecida como “Diva Sexy” e que seu principal objetivo é acabar a escola e permanecer de vez em seu quarto. Ela sofre bullying na escola e não se entende com a irmã, invejando-a por ter uma vida perfeita.

Um dia, Si-yeon, após ajudar uma senhora (a menina tem um coração incrível), acaba recebendo um presente que lhe concede poderosos desejos, os mais profundos de seu coração.

Assim, um dos seus desejos mais profundos acabam por meter as duas garotas em uma enorme confusão: são trocadas de corpo.

Si-yeon no começo parece a que terá mais a ganhar, contudo, Si-ah também irá aprender muito vivendo como sua irmã. O web drama é incrívels e consegue prender a sua atenção com a trapalhada das duas irmãs.

Possui personagens secundários pouco apaixonantes, mas que ajudaram a manter o enredo e enaltecer a história das duas irmãs, como Ban Hae Sung (Kim Dong-hyun do Boyfriend), cantor, que odeia Si-ah, mas se apaixona por ela quando quem está em seu corpo é Si-yeon, Han Kyo-seok (Hak Jin), garoto que praticava bullying com Si-yeon e já havia a humilhado muitas vezes, além dos pais das gêmeas.

O enredo da história é baseado em como as duas irmãs enfrentam a vida uma da outra. Se conhecendo e passando pelas dificuldades uma da outra irão viver poucas e boas.

Si-ah e Si-yeon perceberam que não é tão simples a vida uma da outra.

Um fator que me incomoda é que na maioria dos dramas estar a cima do peso significa ser feia. Porém, o k-drama conseguiu me ganhar com sua temática sendo tratada de forma diferente. Contudo, não inovou no final, como desejei, passando apenas uma mensagem simples.

O final é esperado, não tem muitas surpresas, mas coube bem na formula que criaram para ele. A interação das irmãs é a melhor coisa do k-drama.

E você? Já assistiu “The Miracle”? Deixe nos comentários suas opiniões e qual drama estão assistindo no momento. Eu estou assistindo Mooshine and Valentine e logo logo sai primeiras impressões dele! Super beijo e até a próxima.

Posts para ler:

Minha nova paixão: Doramas

As melhores dicas de como aumentar seguidores no instagram: Parte 1

4 blogs literários para conhecer

Precisamos falar sobre saúde mental (ou a falta dela)

Author

Menina do interior, 21 anos, apaixonada por sonhos realizados, histórias, batata frita e mar. Leitora assídua, moradora do universo geek e escreve por necessidade. Você é o que escolhe ser. E caso você escolha ser, quem sabe, uma pedra, então seja a pedra mais feliz do mundo!

Write A Comment