Category

Séries e Documentários

Category

Old but Glee

Oi gente, meu nome é Arthur e toda terça estarei aqui na tela de vocês falando um pouco das séries que de alguma forma, me motivam a ser melhor, das que me ajudaram a ser quem sou, ou então das que tiraram totalmente meu chão e eu fiquei meio: “O QUE? COMO ASSIM? NÃO, PARA! MENTIRA. GENTE OLHA ISSO AQUI, ALGUÉM SABE COMO É ISSO AQUI?” –é o que acontece comigo quando fico emotivo com algo- Sou bem emotivo, ok?

Vou apresentando/reapresentando as séries para vocês de acordo com o que vou sentindo na semana e com o que vocês me derem de “feedback”.

Vamos começar logo, e de cara vai ser com essa série linda que, meu deus, eu não sei o que seria de mim sem ela. Quantas “bads”, quantos problemas, quantas coisas já passei na vida e ela estava lá, com mais um episódio e mais uma música e mais um monte de atuação perfeita. E como diria a Amy: “My tears dry own their own”. Vida que segue.

2000px-Glee_red-yellow.svg

 

A série de hoje é nada menos que GLEEE!!! –“and here’s what you missed on glee” sempre que falo Glee, me vem essa frase/hino- Acho que posso dizer que Glee foi muito presente na vida de cada um dessa minha/nossa geração. Ressuscitando, de clássicos dos anos 50 até os musicais mais incríveis ate hoje lançados, e fazendo isso da melhor forma possível, com uma trama que cada hora seguia para um lado, e a forma como Ryan Murphy e sua mente brilhante pensam no antes, no agora e no depois, criando uma sincronia perfeita entre o clássico e o moderno de forma que eu já vi poucas vezes.

Tendo seu primeiro episódio indo ao ar no dia 19 de Maio de 2009, com “Don’t Stop Believin’”, o que seria a música de maior ícone para uma geração inteira, e se encerrando em 20 de março de 2015, Glee teve em seu ápice mais de 26 milhões de telespectadores.

Temos personagens icônicos dentro dessa série maravilhosa.

423599fe-1777-4d99-b037-f7387cfb7e97

A Rachel (Lea Michele, rainha) que acaba sendo a personagem principal dentro e fora do McKinley – a escola do sonho de qualquer pessoa apaixonada por Glee-.

Cory Monteith, who played Finn in the television series Glee, was found dead Saturday in a hotel room in Canada. He was 31.

Seu namorado e jamais esquecido Finn (Cory <3) – que veio a falecer por complicações com drogas que ele tinha desde a pré-adolescência-

Glee-Blaine-1

Blaine (Darren Criss). Não gosto dele na série pelo que ele faz com o Kurt.

Kurt-Season-1-dave-karofsky-and-kurt-hummel-25714283-2043-2500

Kurt (Chris Colfer). Sonho das gay um amigo assim.

Glee-008

Will Schuester (Mathhew Morrison). Verdadeiro sapão, melhor professor.

dianna-agron-7266

[SPOILER] Quinn (Dianna Agron) maravilhosa, mostra como é ser mãe na adolescência como ninguém e uma verdadeira Bicth…

santana-lopez

…só não melhor que a Santana Lopez que aí sim é dona da série sem dúvida, porque essa mulher passando é maravilhoso.

GLEE: Chord Overstreet as Sam in the Season Five of GLEE airing Thursdays, (9:00-10:00 PM ET/PT) on FOX. ©2013 Fox Broadcasting Co. Cr: Mathieu Young/FOX

Temos também Sam Evans (Chord Overstreet). Com uma história bem legal e uma boca maior que qualquer outra.

Amber-amber-riley-22779749-2560-1920

Mercedes Jones (Amber Riley) que é dona da voz, da superação e do sorriso mais fofo.

Glee-005

Noah Puckerman (Mark Salling), que tenta ser um durão na série toda mas que nem é…

Glee-009

Artie (Kevin McHale), que durantes anos eu achei que ele fosse cadeirante de fato, mas não. Uma das histórias que mais gosto dentro da trama.

sue-sylvester

Sue Sylvester (Jane Lynch), a mentora da Santana em como ser uma grande “Bitch” no “High School”.

Brittany

Brittany (Heather Morris) que junto com a Sanatana protagoniza uma das histórias mais lindas na série.

glee

Tina (Jenna Ushkowitz), Mike Chang (Harry Shum Jr) e Emma Pillsbury (Jayma Mays) também fazem parte da série mas não são meus favoritos e não me marcaram de modo relevante. Já o Diretor Figgins (Iqbal Theba) é sim um dos meus prediletos, com seus comentários curtos e sérios mas que acabam se tornando hilários. E como toda série tem seu personagem machão, temos o Karofsky, Dave Karofsky, que no encaminhar das coisas não é tão machão assim. E por último e sequer menos importante, Unique Adams (Alex Newell) e a treinadora Shannon Beiste (Dot Jones) que são pessoas mais que especiais e marcaram demais, com papeis mais que fundamentais.

Mas enfim, senta aí e acha um espaço na agenda pra começar a assistir que é super válido. A verdade no meu ponto de vista, é que Glee é uma lição de vida quando você faz parte de uma minoria. Te mostra que independente disso, você pode ir longe, que é você quem vai determinar seu próprio caminho, não existe ninguém além dessa pessoa que está aqui lendo isso agora que possa fazer algo por você. Determine seu caminho, seu próximo passo. Escolha como você vai querer ser para si mesmo, e saiba que no meio dessa trilha muito difícil que chamamos de vida, seus amigos estarão com você. Independente da sua etnia, da conta bancária dos seus pais ou da sua, independente de tudo, seus amigos de verdade lhe darão a mão e partirão com você em qualquer jornada que escolher. E se não for boa, ou caso você se afaste deles por um tempo, no seu retorno, eles estarão naquele mesmo lugar que vocês sempre se encontram, te esperando praquele abraço que só o amor da amizade verdadeira conhece.glee

Então chama esse seu amigo que você pensou enquanto lia e assiste os episódios clássicos de Glee, ou só ouve as músicas e encena com ele tudo de novo, vocês vão ver como é incrível. O quanto à música a amizade combinados, te leva a lugares surpreendentes – sério gente, meus migos da facul e eu sempre cantávamos, principalmente às sextas. É, e sempre vai ser maravilhoso- Aos meus amigos, amo vocês, e obrigado por estarem aqui até mesmo quando tudo era tão ruim.