Category

Textos

Category

Descasque um abacaxi por vez

Ontem dei uma lembrancinha para minha sogra e minhas cunhadas. Eram quadrinhos negros com algumas sabedorias pintadas de branco. Um achado! Em um deles – o que dei para minha sogra – estava escrito: descasque um abacaxi por vez. E foi daí que surgiu esse textinho massa da minha cachola.

Muitas vezes tentamos segurar o mundo com as nossas mãos. Fazer tudo de uma vez. E isso pode ser um problema. Os problemas e as dificuldades são inevitáveis na vida de qualquer um – até mesmo daquelas pessoas que a gente acredita que são perfeitas e não tem nem uma espinha como problema. Mas o segredo de tudo é saber lidar com elas, por isso esse post é especialmente para isso.

Todos os problemas têm solução

Muitas vezes, no meio do furacão temos a falsa ilusão de que algo é impossível de se resolver. Ah, meus amigos, a já digo de antemão que a palavra “impossível” é proibida aqui nesse espacinho de luz. Você já parou para pensar que todo e qualquer problema tem sim uma solução? Mesmo que não seja das melhores a primeira solução que aparecer na sua cabeça. Eles tem solução.

Se o problema for daqueles cascudos, que tal fazer um exercício? Chame um amigo, um parente próximo e ponham em prática uma estratégia do marketing/design/publicidade: façam um brainstorming. Isso pode ajudar a achar a melhor solução. Muitas vezes, por estarmos inseridos numa situação difícil não conseguimos ter um panorama do que está acontecendo, estamos perto demais da imagem. Mas alguém de fora pode ver o quadro inteiro e entende, muitas vezes, melhor do que a gente o que está acontecendo e como solucionar aquele pepino.

Descasque um abacaxi por ver

A dica master desse texto: descasque um abacaxi por vez. Quando fazemos muitas coisas ao mesmo tempo, geralmente nada sai muito bem feito. O mesmo acontece com os problemas, tentar solucionar todos de uma vez só vai causar mais stress e nada vai sair da maneira que você queria inicialmente.

Então, lide com um problema por vez. Lembre-se da dica que dei no primeiro tópico. Você precisa focar em uma situação difícil e fazer tudo para resolvê-la. E não faça sozinho não, para esses momentos também servem a família e os amigos. Você não precisa estar sozinho, a menos que queira.

Mar calmo nunca fez bom marinheiro

Já ouviu essa expressão? Pois é. Se você, assim como eu, já sentiu que o mundo fosse acabar diversas vezes durante sua vida, lembre-se: da última vez que você pensou isso o mundo não acabou, acabou? Relaxe, faça um exercício de respiração e traga pessoas amadas para o seu lado. Isso sempre ajuda.

Mais que tudo lembre-se que os problemas vêm para agregar conhecimento e sabedoria. Cada situação difícil te fortalece e te faz ser alguém mais preparado para os baques da vida. E durante essa trajetória, não esqueça de manter a sua essência. Isso ajudará a saber que você continua ali, independente dos percalços.


Confio em você para superar qualquer adversidade! E se você precisar de um ombro amigo ou quiser só desabafar, deixa aí nos comentários ou me chama no privado. Juntos somos mais fortes! Ah, e me conta também? Qual abacaxi que você está tendo que descascar agora? O que anda fazendo para tornar essa tarefa mais fácil? Vamos conversar e trocar experiências!

 

Um texto sobre clichês e saúde mental

Para aquecer o coração.

Ei, respira! Eu sei que está difícil. Verdade! E não estou aqui para te encher daqueles clichês de “vai-dar-tudo-certo-magicamente”. Não acredita em mim? Deixa eu te contar: sei que às vezes você tem vontade de simplesmente parar, sentar no chão e chorar até as lágrimas secarem no seu rosto, que às vezes tem que correr para o banheiro, sentar-se e ficar respirando profundamente até se acalmar o suficiente para voltar ao círculo de pessoas e também que quando está sozinha você pensa em um milhão de coisas ao mesmo tempo, é tanta confusão que você não consegue nem mesmo se ouvir. Sua saúde mental pede socorro, sabe?

E, agora acredita em mim?

É pressão demais, é coisa demais e tudo isso em tempo de menos. Parece que 24 horas por dia é pouco, né?! Aí você tem que ficar acordado até tarde pra resolver tudo, então, acorda cedo demais e fica tão cansado que seu dia por si só se arrasta.

Eu me sinto assim e mais vezes do que gostaria de admitir a mim mesma, porém, acredito que em partes a cura começa com isso: admitir.

Todas as vezes que banquei “a fortona” e escondi de mim mesma meus sentimentos, as crises eram horríveis. Minha cabeça e estomago doíam, eu vomitava, tinha insônia e tremia tanto que não conseguia segurar um copo. E não estou dizendo isso aqui para que sintam pena ou algo assim, só quero te mostrar que você não está sozinho. Não mesmo.

E quero te dizer que admitir a si mesma que você precisa de um pause, precisa de ajuda, precisa simplesmente parar, é extremamente necessário.

Você não será uma pessoa fraca por isso. Conheço muitos poetas e há um punhado de poemas que direta ou indiretamente dizem que corajosos são os que demonstram os seus sentimentos.

E é clichê, eu sei, eu sei. Mas, me dá um desconto vai. Hoje foi um daqueles dias difíceis, então posso usar vários desses que estão escondidos aqui na manga.

E estou aqui: de pijama, cabelo embaraçado, ouvindo minha banda preferida e escrevendo. Chorei um pouco, também. Mas, tudo bem e mais: tudo bem não estar bem (Jessie J realmente sabia o que estava falando).

Mas, agora eu estou bem. Consigo ouvir meus pensamentos, o choro só foi aquela escapatória do dia complicado, aquele nó na garganta, mas passou. Eu estou realmente bem. É fato de que não há maneiras de ser 100% feliz e radiante o dia todo, mas te garanto que pode chegar ao final dele bem, confortável, alegre.

E vai outro clichê aí: as coisas podem melhorar.

Poxa, e eu que disse que esse texto não seria sobre clichês… Ah, mas quando as coisas apertam é bom saber que há muitos clichês para que saibamos que se elas já deram em algum momento no universo, eles podem acontecer conosco.

E acontecem, viu?

As coisas podem melhorar é diferente de que vão, contudo. Pois, isso depende exclusivamente de você. E de ajuda. Não é errado pedir ajuda, não é errado precisar de apoio para sair de onde quer que esteja e que te machuque. Seja um trabalho que não goste, uma faculdade que não seja sua vocação, um núcleo social tóxico. Ou um sentimento, também, pois há vários que te aprisionam. Mas, você pode sair deles e as coisas podem melhorar muito.

E para terminar o meu dia meio ruim, quero agradecer por todas as coisas infinitamente boas que aconteceram hoje. Há tanto o que agradecer.

E, bom, acredito que aí na vida de vocês também, então, antes de tentarem colocar em prática tudo o que eu disse, tentem apenas agradecer por uma coisa boa de hoje.

Já é um ótimo começo e eu estou orgulhosa de você. Nos vemos por aí.